Após habeas corpus concedido pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, o traficante André Oliveira Macedo, conhecido como André do Rap, deixou a Penitenciária de Presidente Venceslau, no interior de São Paulo, na manhã deste sábado (10). As informações são do portal G1.

A Secretária da Administração Penitenciária (SAP) confirmou “que deu cumprimento hoje, 10, ao alvará de soltura em favor do preso André Oliveira Macedo, por decisão judicial do Supremo Tribunal Federal”.

– Ele saiu da Penitenciária II de Presidente Venceslau às 11h50 da manhã – informou ainda a SAP.

A decisão do STF foi divulgada no final da tarde de sexta-feira (9). Em sua decisão, o ministro do STF disse que o traficante estava preso há muito tempo provisoriamente.

André do Rap é um dos chefes do Primeiro Comando da Capital (PCC), facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios de São Paulo. Após ser libertado, o traficante disse que mora no Guarujá, onde poderia ser encontrado.

O traficante tinha sido preso em setembro de 2019, em Angra dos Reis, por uma equipe da Divisão Antissequestro do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope). Na época, a ação contou com 23 policiais do Garra, com agentes do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos, do Gope, o Grupamento de Operações Penitenciárias Especiais e da Divisão Antissequestro.



Deixe seu Comentário